Nestes tempos de escassez de crédito e incerteza na economia, o acesso ao dinheiro tende a ficar mais difícil. Veja o que economistas e consultores sugerem para você conseguir empréstimos mais vantajosos e buscar alternativas ao financiamento bancário.

Capriche nas informações enviadas ao banco

É com base na documentação entregue pelo solicitante que o banco avalia a saúde financeira da empresa. Só a partir dessa análise são determinados o limite de crédito, os prazos, as garantias e também as taxas de juro. Por isso, é recomendável apresentar a relação dos clientes de sua empresa. Também mostre um plano de negócios com valores previstos para as diversas etapas do investimento, projeções das despesas e receitas, e o que mais julgar relevante para provar que a empreitada dará lucro.

Negocie prazos com fornecedores e clientes

Na busca de capital de giro, a negociação de prazos mais longos com fornecedores pode ser uma alternativa aos empréstimos. Você pode tentar também realizar o pagamento com o repasse das duplicatas recebidas dos clientes. Com a operação, a empresa reforça o caixa sem arcar com os juros cobrados nos financiamentos para antecipação da receita das vendas. Outra opção é encurtar os prazos concedidos aos clientes. Mas decisões como essa exigem cautela. Para muitos consumidores, o impacto do prazo no tamanho das prestações é maior que o da alta das taxas.

Reduza custos

Atenção aos custos é fundamental. E lembre-se de que estoque também é custo. Quanto mais adequado for, maior o reforço no fluxo de caixa e menor a necessidade de financiamento bancário.

Busque linhas com recursos públicos

As linhas de crédito com recursos do governo, como as do BNDES, do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal, podem ser boas aliadas na procura de dinheiro mais barato. No caso, os juros oscilam conforme a variação da Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), menos afetada pelas turbulências do mercado. A taxa, por não servir de instrumento para combate à inflação, também não acompanha passo a passo a evolução da taxa básica Selic, balizadora dos empréstimos convencionais.

Considere adiar investimentos

É hora de adiar o financiamento de grandes projetos. Não só o crédito caro justifica a cautela. Em tempos de incerteza, é mais complicado avaliar o retorno dos investimentos devido à dificuldade em prever a demanda futura.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco também nas redes sociais:

Av. Bráulio Gomes Nogueira, 1045, Bairro Tirol – BH / MG – CEP: 30662-090 – Brasil – +55 (31) 3336-6734

© Raj Refrigeração – Todos os Direitos Reservados
feito com por Tenil Agência Digital

Open chat